terça-feira, 11 maio 2021
- - - - - -
Educação Moral e Religiosa Católica

Secretariado Diocesano do Ensino da Igreja nas Escolas - Porto

Encontro EMRC

Visitantes

Hoje 251

Ontem 211

Esta semana 462

Este mês 2285

Total 1580382

Neste momento: 10 convidados e nenhum utilizador em linha

CONJUGAÇÃO DE ESFORÇOS PARA UM CESSAR-FOGO

  • Publicado em terça-feira, 31 março 2020 16:45
  • Escrito por SDEIE
  • Acessos: 293

 

O Papa declarou hoje que se associa ao apelo recente lançado pelo secretário-geral da ONU, António Guterres,

para um «cessar-fogo global e imediato em todos os cantos do mundo»,

tendo em conta a «atual emergência do Covid-19, que não conhece fronteiras».

«Associo-me a quantos acolheram este apelo, convido todos a dar-lhe seguimento,

parando qualquer forma de hostilidade bélica, favorecendo a criação de corredores para a ajuda humanitária»,

nomeadamente para as pessoas que se encontram em situação de «maior vulnerabilidade», afirmou.

Nas palavras que proferiu Francisco expressou o desejo de que «o empenho conjunto contra a pandemia»

possa «levar todos a reconhecer» a «necessidade de reforçar os laços fraternos, como membros de uma única família»,

suscitando nos responsáveis pelas nações «um empenho renovado na superação das rivalidades»,

através do «diálogo» e da «construtiva busca da paz», porque, frisou, «os conflitos não se resolvem através da guerra».

«O meu pensamento dirige-se de modo especial para todas as pessoas que sofrem a vulnerabilidade de serem obrigadas a viver em grupo»,

por exemplo, em casas de repouso e casernas, apontou.

Citando um relatório sobre direitos humanos, Francisco mencionou as «prisões sobrelotadas»,

que podem tornar-se «numa tragédia» para a disseminação da pandemia.

«Peço às autoridades que sejam sensíveis a este grave problema,

e tomem as medidas necessárias para evitar tragédias futuras», afirmou.

«A hipocrisia com que tantas vezes se vive a fé, é morte; a crítica destrutiva para com os outros, é morte;

a ofensa, a calúnia, são morte; a marginalização do pobre, é morte».

 https://www.snpcultura.org/papa_associa_se_a_apelo_de_antonio_guterres_para_cessar_fogo_imediato.html

 

 

papa francisco antonio guterres 20131208 gf

Papa Francisco e António Guterres. Vaticano, 6.12.2013. Foto: L'Osservatore Romano